A série Eu Nunca… ganha pela maneira que retrata o luto da perspectiva adolescente

Eu nunca… poderia ser só mais uma aposta sem graça da Netflix, mas a série me ganhou pela sua narrativa formidável, a ambição emocional que ela emana e por todos os seus aspectos culturais, étnicos e sociais incorporados na trama. Continuar lendo A série Eu Nunca… ganha pela maneira que retrata o luto da perspectiva adolescente

A consistência e a produção matadora de Peaky Blinders

Enfim, maratonei Peaky Blinders em três semanas e adorei cada momento. É uma trama muito bem feita, e a maneira como o criador teceu a narrativa alinhando com os acontecimentos históricos do mundo na época, foi GENIAL. Primeira Guerra Mundial, a queda da bolsa de Wall Streets, bombas nucleares, o surgimento e a expansão de grupos comunistas, russos e nazistas, tudo isso bem encaixado num roteiro consistente e uma produção louvável. Continuar lendo A consistência e a produção matadora de Peaky Blinders