DE CARA LIMPA ALICIA KEYS SOLTA ”HERE” | UM RETORNO EMPODERADO E SOCIAL


Depois de quatro longos anos de ‘’Girl On Fire’’, Alicia Keys voltou. Pois é gente, ela retornou numa fase empoderada e totalmente liberta de rótulos. A Jurada do The Voice decidiu lançar seu sexto álbum de estúdio nesse finalzinho de ano. Se você não ouviu ‘’HERE’’para tudo o que você esta fazendo e vai ouvir, porque a mulher desceu o verbo no disco e está com tudo.


O disco começa com Interlúdio The Beginning logo após vai para a primeira canção The Gospel, uma melodia maravilhosa com piano de base cantada com o ritmo acelerado, ela tem uma letra forte e já deixa claro de como será HERE. A seguir temos Pawn It All  que com um vocal impecável fala sobre a violência da mulher .
Pulando mais um interlúdio temos Kill Your Mama, a canção é um tiro feito com voz e violão, Keys não precisou de muito pra falar sobre ambição nessa canção. Ela só falou. Depois de She Don’t Really Care que é mais um interlúdio vem Ilusion Of Bliss, onde ela canta com uma intensidade muito grande, a música fala sobre o vicio e não perde pra nenhuma do álbum, com uma pegada dramática Alicia se expressou eu quase chorei. Blended Family (What You Do For Love) é um dos singles do álbum, e me viciou depois que ouvi duas vezes, com uma batida gostosa do Soul. A mensagem da canção é politizada e diz que pra ser uma família não precisa ter laços sanguíneos. A canção tem featuring com A$AP Rocky.
Work On It com toda certeza é minha música favorita do álbum, deve ser pelos arranjos que a letra trás que me conquistou quando a ouvi. Depois de mais um interlúdio vem Girl Can´t Be Herself a canção que inspirou Alicia a fazer o álbum e fez ela viver a música, a música tem uma batida boa e uma letra indescritível. A canção começa com ela cantando ”que quer chorar para o mundo quando vê uma menina que não pode ser ela mesma”. Lembrando que Alicia aderiu a uma nova forma de beleza; A dela mesma. Ela foi muito criticada quando disse em um discurso que não iria mais usar maquiagem, largando de vez os rótulos e só apareceria nos tapetes vermelhos com a cara limpa.
Capa do disco ”HERE” sem maquiagem 

Pulando mais um interlúdio vem More Than We Know com uma letra romântica e uma batida calma me fez ficar totalmente apaixonado e me deixou jogado no quarto. Holy War é mais uma amostra do que Alicia quer falar e mostrar. A música fala sobre medos, muros entre pessoas e quebra de tabus, uma guerra sagrada constante no mundo e que o amor tem que vencer. Uma das canções mais lindas do disco.

O disco se encerra com InCommon, o primeiro single de HERE, que não me impressionou muito, tenho direito de não gostar, me deixa.

‘’Here’’ da Alicia é mais um tiro de empoderamento, que com toda certeza entrou na minha lista de ”Melhores discos do Ano”. O disco tem 18 faixas e é embalado com muita voz e me deixou satisfeito, seguindo o conceitual, grudado no R&B. Depois de ouvir todos os seus álbuns conclui que esse foi bem diferente dos outros cinco, mostrando e idealizando o que Alicia Keys é no agora e o que pretende para o futuro.
ETERNA GIRL ON FIRE !


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s